fbpx

Mais tempo em casa, menor prática de atividade física e ganho de peso.

Para muitos, este é o retrato do período de pandemia que enfrentamos no Brasil. 

Junto com a alteração de peso, outra questão que muitas pessoas perceberam no corpo foi o aumento da flacidez, uma queixa frequente nos consultórios.  

Afinal, como os procedimentos dermatológicos podem ajudar a combater a flacidez adquirida durante a quarentena? 

Tratamentos dermatológicos para flacidez

A flacidez é um processo natural do corpo humano, especialmente com o avanço da idade quando o tônus muscular começa a enfraquecer. 

Apesar de normal, a flacidez precoce ou causada por outros motivos além do envelhecimento, leva muitas pessoas a procura de procedimentos para reverter o quadro.

O ganho de peso, assim como o emagrecimento rápido, também resultam em uma pele mais flácida, sobretudo na região da face, abdômen, braços e coxas. 

Essa é a realidade de muitas pessoas devido ao isolamento social, diminuindo a movimentação corporal e aumentando a ansiedade – que muitas vezes leva ao consumo exacerbado de alimentos. 

O problema, no entanto, não precisa ser definitivo, alguns tratamentos para flacidez podem intervir positivamente

#1 Bioestimuladores de colágeno

A degradação do colágeno é uma condição inevitável, mas alguns tratamentos para flacidez podem ajudar a retardar e até reverter quadros. 

Os sinais de envelhecimento que notamos em nosso corpo, como a flacidez e a pouca sustentação da pele, acontecem quando há perda de colágeno. 

Por isso, os bioestimuladores podem ser uma alternativa para estimular novas fibras de colágeno, de forma segura e natural. 

Assim, além de recuperar a firmeza, o paciente garante uma pele mais saudável com resultados graduais e duradouros. 

#2 Treinamento eletromagnético com CM SLIM

Quando o assunto é melhorar a harmonia corporal, a dermatologia pode intervir de inúmeras formas. Uma delas é por meio do tratamento eletromagnético com CM SLIM.

Novidade no Brasil, o CM SLIM é um aparelho de tecnologia eletromagnética focado na tonificação muscular e queima de gordura.

Em sessões de trinta minutos, o aparelho estimula cerca de 20 mil contrações musculares de intensidade supramáxima.

O tratamento com CM SLIM aumenta em até 15% a espessura muscular e reduz de 19% na espessura da camada de gordura. 

#3 Velashape

O Velashape é outro tratamento estético indicado para gordura localizada, celulite e flacidez.

Associando as tecnologias de luz infravermelha, radiofrequência, vácuo pulsado e massagem mecânica, o aparelho auxilia a redução de medidas corporais e melhora da aparência da pele.

As funcionalidades, quando combinadas, possibilitam um resultado positivo na modelagem corporal. 

#4 Exilis

Outro procedimento indicado para tratar flacidez é o Exilis, um aparelho de radiofrequência, com tecnologia não invasiva, utilizado para redução de gordura e melhora da firmeza corporal

Com registro na Anvisa e FDA (Food and Drug Administration), o aparelho permite a emissão de RF em diferentes intensidades, de acordo com o objetivo de tratamento. 

Através do sistema Cooling (sistema de resfriamento), pode-se tratar flacidez em profundidade superficial e a gordura localiza em intensidade profunda.  

O tratamento traz resultados efetivos, sem desconforto, e mantendo a rotina do paciente normalmente. 

Para combater a flacidez e o excesso de peso da quarentena, entretanto, é necessário associar os tratamentos dermatológicos à uma alimentação saudável e a prática de exercícios físicos

A dermatologia pode intervir positivamente na sua autoestima e aparência física, desde que combinada com bons hábitos para que os resultados sejam satisfatórios e duradouros. 

Abrir Chat
1
Agende uma consulta no Rio de Janeiro
Agende sua consulta no Rio de Janeiro